Teatro Lala Schneider reabre após quase um ano fechado. Veja programação

Por - Redação Bem Paraná
(Foto: Divulgação)

Após quase um ano sem poder atender ao seu público em função das medidas de contenção ao novo Coronavírus, o Teatro Lala Schneider reabre como uma ótima opção de entretenimento seguro, cumprindo todos os protocolos de segurança.

O Teatro Lala é um dos espaços culturais mais tradicionais da cidade, com mais de 25 anos de atividades ininterruptas e uma programação intensa e variada. “A pandemia que nos assola, fez com que, pela primeira vez, o Lala interrompesse sua programação de modo tão prolongado, o que nos deixou muito tristes, mas agora cumprindo todos os protocolos possíveis de segurança, estamos prontos a receber nosso público novamente, embora de forma gradual e controlada”, explica o diretor geral do Lala, João Luiz Fiani.

Além das medidas de segurança já tradicionais em vários estabelecimentos, como o uso de álcool em gel e aferição de temperatura, o Lala tem, como medidas adicionais de segurança, um sistema de exaustão do ar para renovação constante, ventiladores e portas da sala de exibição abertas durante a exibição dos espetáculos, para uma melhor circulação. “E é claro que também estamos observando o limite de lotação estabelecido pela Prefeitura Municipal de Curitiba”, complementa Fiani. Nesse sentido, a primeira fila do teatro não é vendida, para um maior distanciamento entre atores e plateia e nas demais filas, os assentos são vendidos de maneira não sequencial para garantir a distância entre as pessoas exceto grupos de convivência, como famílias.

Outro cuidado é com o estilo dos espetáculos e frequência das apresentações. Nesse primeiro momento, o Lala irá exibir apenas monólogos ou espetáculos com, no máximo, 3 atores, apresentados apenas uma vez por semana. O espetáculo de retomada será a famosa comédia 'A Tarada do Boqueirão', monólogo cômico com a atriz ganhadora do Prêmio Gralha Azul, Sônia Bacila, que fará apresentações nos dias 20 e 27 de fevereiro às 20h. Na sequência, virá o monólogo 'Werther' , obra do autor alemão Goethe, que é um dos maiores ícones do romantismo, na interpretação de Lucas Cardoso, que será apresentado nos dias 6 e 13 de março às 21h. Ambos os espetáculos contam com a direção do próprio Fiani.


“Quero convidar a todos para voltarem a prestigiar os espetáculos do Lala, nesse momento ainda difícil, mas no qual a arte pode funcionar como um alívio para todas as tensões que todos estamos vivendo nesse momento”, convida Fiani.

Para evitar filas e garantir ainda mais a segurança do ambiente, o público pode adquirir os ingressos antecipadamente na bilheteria do teatro, que funciona de terça a sexta-feira, a partir das 14h e sábados a partir das 10h.

SOBRE O TEATRO LALA
O Teatro Lala Schneider, é o primeiro teatro independente do Paraná, operando unicamente com apoio da iniciativa privada e recursos próprios, não contando com patrocínios governamentais. Em seus mais de 25 anos de atuação, o Lala já apresentou mais de 300 espetáculos diferentes e mantém uma companhia estável de atores, além de um curso de teatro.

SERVIÇO – Retomada das atividades do Teatro Lala, observando protocolos de segurança em relação à Covid-19. Apresentação do monólogo cômico A TARADA DO BOQUEIRÃO, nos dias 20 e 27 de fevereiro às 20h e WETHER, de Goethe, nos dias 6 e 13 de março às 21h. Ingressos: R$ 50,00 (inteira) e R$ 25,00 (meia). Rua 13 de maio, 629 – Informações: (41) 3232-4499 – www.teatrolala.com.br

Comentários

© 2018 Barulho Curitiba