Sete filmes em pré-estreia mundial integram a Mostra Aurora de cinema brasileiro

- Atualizado às 21:21

Em 2021, a Mostra Aurora vai apresentar um recorte absolutamente inédito do cinema brasileiro contemporâneo de invenção. Serão exibidos 7 filmes dentro desta seção que integra a programação da 24a Mostra de Cinema de Tiradentes, entre os dias 22 e 30 de janeiro de 2021. Pela primeira vez em sua história, a Aurora reúne três títulos da Bahia. A seleção ficou a cargo da dupla de curadoria Francis Vogner dos Reis e Lila Foster.

Os filmes selecionados na Mostra Aurora 2021 são: “Açucena” (BA), de Isaac Donato; “Oráculo” (SC), de Melissa Dullius e Gustavo Jahn; “Rosa Tirana” (BA), de Rogério Sagui; “Kevin” (MG), de Joana Oliveira; “A Mesma Parte de um Homem” (PR), de Ana Johann; “O Cerco” (RJ), de Aurélio Aragão, Gustavo Bragança e Rafael Spíndola; e “Eu, Empresa” (BA/MG), de Leon Sampaio e Marcus Curvelo. Todos eles serão avaliados pelo Júri Oficial e concorrem ao Troféu Barroco e a prêmios de parceiros da Mostra.

“Considerando a circunstância histórica tão complicada para o cinema brasileiro atualmente, foi muito importante chegarmos a esse recorte tão expressivo e inédito”, destaca Francis Vogner. Para o curador, os títulos têm singularidades que os tornam experiências distintas entre si e representam um instantâneo do atual cenário de realização no país, com produções modestas, de baixo orçamento, sem editais e de possibilidade reduzida de circulação devido a efeitos da pandemia.

Por sua vez, Lila Foster diz ter sido inevitável, para a Aurora em 2021, pensar no atravessamento do tempo no cinema brasileiro, já há alguns anos sofrendo uma série de arrochos, de mudança no financiamento e na circulação dos filmes. A situação se agravou em 2020, por conta do esvaziamento das políticas de fomento em âmbito federal e por quase um ano de isolamento devido à pandemia, o que afetou diretamente toda a cadeia profissional do setor.

SOBRE

A 24ª Mostra de Cinema de Tiradentes: Plataforma de Lançamento do Cinema Brasileiro

Maior evento dedicado ao cinema brasileiro contemporâneo em formação, reflexão, exibição e difusão realizado no país. Apresenta, exibe e debate, em edições anuais, o que há de mais inovador e promissor na produção audiovisual brasileira, em pré-estreias mundiais e nacionais – uma trajetória rica e abrangente que ocupa lugar de destaque no centro da história do audiovisual e no circuito de festivais realizados no Brasil.

Trata-se de um programa audiovisual que reúne as manifestações da arte numa programação cultural abrangente oferecida gratuitamente ao público que prevê a exibição de mais de 100 filmes brasileiros, promove homenagem, oficinas, debates, mostrinha de cinema, exposições, shows musicais, performance audiovisual, encontros e diálogos audiovisuais e atrações artísticas.

Toda programação é oferecida gratuitamente ao público.

‘A Mesma Parte de um Homem’, sobre mãe e filha, é representante do Paraná

De natureza mais fabular, “A Mesma Parte de um Homem” , representante do Paraná, mostra o isolamento de uma mãe e sua filha em meio a acontecimentos dramáticos que não se mostram de imediato, numa ambiência naturalista e surreal que se apresenta como exercício de dramaturgia a partir de corpos tensionados e de um espaço enclausurado. No caso de “Rosa Tirana” (BA), a fabulação mítica do sertão baiano é feita pela ótica do olhar infantil, da imaginação, medo e projeção de uma criança a partir de seu entorno e suas relações.

Sessões Online — Os filmes da Mostra Aurora estarão disponíveis em formato online, poderão ser assistidos por um período de 48 horas a partir da abertura do sinal de cada filme e serão debatidos sempre na manhã seguinte à sua estreia, no programa da série “Encontro com os Filmes”. Toda programação será realizada online pelo site oficial do evento www.mostratiradentes.com.br.

Premiação - Um time diversificado de profissionais foi convidado para avaliar os filmes da Mostra Aurora. Caberá ao Júri Oficial escolher o Melhor filme da Mostra Aurora, o Melhor Filme da Mostra Foco e o Destaque Feminino.

NOME DO FILME DIREÇÃO UF GÊNERO ABERTURA DO SINAL* DEBATE
Açucena Isaac Donato BA Documentário 23/01 – sábado - 20h 24/01 –domingo - 11h
Oráculo Melissa Dullius e Gustavo Jahn SC Experimental 24/01 – domingo - 20h 25/01 – segunda - 11h
Rosa Tirana Rogério Sagui BA Ficção 25/01 – segunda - 20h 26/01 – terça - 11h
Kevin Joana Oliveira MG Documentário 26/01 – terça - 20h 27/01 – quarta - 11h
A Mesma Parte de um Homem Ana Johann PR Ficção 27/01 – quarta - 20h 28/01 – quinta - 11h
O Cerco Aurélio Aragão, Gustavo Bragança, Rafael Spínola RJ Ficção 28/01 – quinta - 20h 29/01 – sexta - 11h
Eu, Empresa Leon Sampaio, Marcus Curvelo BA/MG Ficção 29/01 – sexta - 20h 30/01 – sábado - 11h
*Os filmes da Aurora estarão disponíveis por um período de 48 horas

Comentários

© 2018 Barulho Curitiba