Sete de cada 100 habitantes de Curitiba são estudantes universitários

- Atualizado às 23:06
Por - Rodolfo Luis Kowalski
Vestibular com sala cheia: cada vez mais gente no ensino superior
Vestibular com sala cheia: cada vez mais gente no ensino superior (Foto: Franklin de Freitas)

O primeiro mês de 2020 já passou, as aulas para alunos do ensino fundamental e médio estão começando e o Carnaval se aproxima. Assim Curitiba vai, aos poucos, retomando o habitual ritmo frenético de ser. A encenação cotidiana, entretanto, só estará completa nas próximas semanas, quando um contingente de aproximadamente 124,7 mil pessoas retoma o corre-corre diário nas ruas da Capital com a volta às aulas em universidades, faculdades, centros universitários e outras instituições de ensino superior.

Os dados, compilados pelo ‘Bem Paraná’ a partir do Censo da Educação Superior, divulgado pelo Ministério da Educação, mostram que em 2018 a capital paranaense contava com um total de 124.647 alunos matriculados em cursos presenciais ofertados por instituições de ensino superior, o equivalente a 7 em cada 100 curitibanos em média. 

Em números absolutos, Curitiba se destaca como a oitava capital com maior número de universitários, atrás de São Paulo (668.061), Rio de Janeiro (297.201), Belo Horizonte (182.692), Brasília (175.511), Salvador (151.698), Fortaleza (151.686) e Recife (127.245). Já na proporção de universitários dentro da população, fica em 11º lugar, numa lista que é liderada por Vitória (12,92% dos moradores da capital são estudantes universitários) e que tem, curiosamente, o Rio de Janeiro na última colocação (4,44%). 

Desse total de matrículas na cidade, 33.694 (27,03% do total) são em instituições públicas, sendo 32.032 em instituições federais e 1.662 em instituições estaduais. O restante (90.953 vagas, ou 72,97% do total) são alunos matriculados na rede privada de ensino.

Com relação ao número de instituições, aí Curitiba se destaca no cenário nacional. É a quarta capital com maior oferta, com 61 instituições, sendo 5 universidades, 7 centros universitários, 48 faculdades e um Instituto Federal. Apenas São Paulo (158), Rio de Janeiro (71) e Brasília (66) ficam na frente.

Por fim, desde 2011 o número de universitários na cidade cresceu 1,23%, saltando de 123.134 para 124.647 – houve aumento tanto no número de matrículas na rede privada como na rede pública. Nesse mesmo período, o número de instituições de ensino superior cresceu 12,96%, passando de 54 para 61.

Ensino à distância
Nos últimos anos, uma modalidade de ensino que tem ganhado destaque no Paraná é o ensino à distância. De acordo com o Ministério da Educação (MEC), em 2018 o Paraná já possuía 165.800 alunos matriculados em cursos desse tipo, sendo que a maioria das vagas (155.451) são ofertadas por instituições privadas de ensino. Em todo o país, apenas São Paulo (418.198), Rio de Janeiro (172.649) e Minas Gerais (203.600) possuíam mais alunos matriculados em cursos à distância.

Em todo o Brasil, há 12.112 polos de ensino à distância, das quais 984 ( 8,12% do total) estão em território paranaense. No país, o número de estudantes que já aderiram ao ensino à distância é de aproximadamente 2,06 milhões, o que significa que esses alunos já representam quase um quarto dos universitários no país.


Paraná é o quarto estado com mais universitários

Entre todas as unidades da federação, o Paraná é o quarto estado que apresenta o maior número (absoluto) de universitários, com 376.694, o equivalente a 3,32% da população paranaense. Além disso, desde 2011, quando haviam 348.077 universitários, o número de matrículas no estado cresceu 8,22%. 
Apenas São Paulo (1.611.198), Minas Gerais (648.554) e Rio de Janeiro (544.727) possuem mais estudantes matriculados em instituições de ensino superior.
Para dar conta da demanda por vagas no ensino superior, o Paraná conta com um total de 196 instituições, sendo 14 públicas (que concentram 35,61% das matrículas) e 182 públicas. Na década, o crescimento no total de instituições foi de 5,95% - em 2011 haviam 185 universidades, centros universitários, faculdades e Institutos Federais no estado.


A Educação Superior no Paraná

Total de instituições: 196
Instituições públicas: 14
Instituições privadas: 182
Número de matrículas: 376.694
Matrículas na rede pública: 134.131
Matrículas na rede privada: 242.563
A Educação Superior em Curitiba
Total de instituições: 61
Instituições públicas: 3
Instituições privadas: 58
Número de matrículas: 124.647
Matrículas na rede pública: 33.694
Matrículas na rede privada: 90.953

Fonte: Censo da Educação Superior 2018, do Ministério da Educação

Comentários

© 2018 Barulho Curitiba