Conheça cinco marcas de moda sustentável de Curitiba

Por - Barulho Curitiba
(Foto: Theo Marques/Divulgação)

Você já parou para pensar em como suas roupas são feitas e como são descartadas? A indústria têxtil é a segunda mais poluente, ficando atrás somente da indústria do petróleo. O relatório “A new textiles economy: Redesigning fashion’s future”, lançado em novembro pela Ellen MacArthur Foundation, mostra que o equivalente a um caminhão de lixo de sobras de tecido é queimado ou descartado em aterros sanitários.

Pensando no alto impacto que a indústria da moda pode causar no meio ambiente, cada vez mais surgem negócios preocupados em diminuir esse efeito. Conheça algumas iniciativas locais que estão unindo o mundo fashion com a responsabilidade ambiental:

Sevena
A Sevena Quimonaria é uma marca autoral, sustentável e slow fashion de quimonos. Todos os processos de produção são feitos por uma pessoa (Juliana Neves), passando pela criação, seleção de tecidos, corte, costura, gerenciamento da marca, divulgação e vendas. Além disso, toda produção é feita em pequena escala e com reaproveitamento do descarte têxtil originado em grandes indústrias de moda e lojas têxteis, visando o baixo impacto ambiental.Cada retalho é avaliado nos quesitos de qualidade, condições e estamparia para poder ser reaproveitado.

Flower Power
União de duas paixões: a costura e a música. Um ateliê de onde saem cases que são verdadeiros guardiões do seu instrumento musical, com tudo o que é necessário para transportar, inspirar e proteger. A Flower Powers é 100% sustentável: todos os tecidos utilizados na confecção dos cases são retalhos que seriam descartados por lojas têxteis; todo o lixo gerado é usado na confecção de outras coisa, como os restos de espuma que viram almofadas e retalhos de retalhos viram ecobags
Luan Valloto
Designer brasileiro conhecido por atuar com a ressignificação das técnicas manuais antigas em produtos contemporâneos com forte expressão autoral. A matéria-prima utilizada nas produções do ateliê vem da natureza, graças a uma ampla pesquisa de campo sobre materiais regionais. Assim, a riqueza e a diversidade dos biomas nativos ficam à disposição das nossas criações, num contato direto com a terra que inspira novas formas de vestir e relações saudáveis com o ambiente.

McMe
“Estampa que move o mundo!” Esse é lema da loja de camisetas McMe - Minha Causa Meu Estilo, que tem o objetivo de potencializar os laços sociais e colaborar com a visibilidade das causas coletivas e sensibilizar pessoas, sobretudo para os temas de menor visibilidade, mas de grande impacto social. Na McMe, a confecção das camisetas é feita de forma coletiva, por ilustradores, curadores e clientes, que contribuem com a seleção de estampas e sugestão de causas.

Amora Mia Buttons
A Amora Mia Buttons acredita na potência de comunicar que os Buttons carregam. São uma maneira econômica, compacta e potente de exibir pensamentos, posicionamentos políticos, expressões culturais, ou pelo simples apelo estético de ser um acessório de moda. O negócio tem compromisso com o impacto positivo em todos os clientes, parceiros, fornecedores e comunidade local.

As cinco marcas fazem parte da Rede Propulsão Local, maratona criativa criada para impulsionar negócios locais, criativos e sustentáveis. Criado pelo Coletivo Soylocoporti e da Rede Livre, em parceria com Lab1299, Instituto LocalBIz e Terraço Verde, o Propulsão Local ofereceu mentoria gratuita para 50 negócios nas áreas de agroecologia urbana, internet das coisas, tecnologia 4.0, moda, objetos de design, artistas e produtores culturais, cosméticos orgânicos etc. Mais informações em http://propulsaolocal.com.br/

Comentários

© 2018 Barulho Curitiba