Conheça a empresa curitibana que realiza dublagens para a Netflix

- Atualizado às 17:06
Por - Henrique Romanine
Equipe da Dublagem Curitiba.
Equipe da Dublagem Curitiba. (Foto: Franklin Freitas)

Quem gosta do universo de filmes, séries e animações, já deve ter se questionado sobre o processo de dublagem. Principalmente para quem prefere as obras traduzidas em sua língua de origem, sem precisar apelar para as legendas. E hoje em dia, com o advento de serviços de streaming, ter a possibilidade de assistir ao seu programa preferido, com o uso da língua nativa, é uma das opções disponibilizadas através dessas plataformas.

 

E como sabemos, a Netflix está na dianteira dessa tendência. Porém, pra quem acha que é a própria empresa quem realiza as dublagens do seu catálogo, se enganou redondamente. Além dos estúdios localizados em São Paulo e Rio de Janeiro (os grandes pólos de produção audiovisual do país), Curitiba também está incluída como um dos pólos de dublagem profissional no Brasil.

 

A Dublagem Curitiba, localizada no bairro Jadim Social, e a mais conceituada escola do ramo de dublagem da cidade, realiza algumas dobragens de séries para a Netflix. Mônica Placha, a proprietária da empresa, conta como surgiu a oportunidade. "Nós somos contatados por algumas distribuidoras, para realizarmos os serviços de dublagem. Fizemos alguns trabalhos para a TV Escola e para o Canal Futura, que acabaram chamando muito a atenção. E como tinha a necessidade de um casting diferente, que não lembrasse as vozes escutadas nas dublagens do Rio e de São Paulo, isso acabou sendo um fator a mais que possibilitou esse trabalho para a gente. Foi através da indicação das distribuidoras com as quais trabalhamos, que conseguimos realizar esses trabalhos para a Netflix"

 

 Paradise P.D.: Série que teve a dublagem elogiada pelos youtubers Irmãos Piologo. (Imagem: Divulgação)

E, para quem pensa que foram poucos os trabalhos, engana-se. Além da primeira dublagem, "Lá Mante" (ou Louva a Deus, na tradução), que, segundo, Mônica, não é um "bom trabalho, pois estávamos crus", estão obras tão diferentes como "Eu e o Universo", "Bem-vindo à Família", "Tribu Urbana Dance", "Dancing Queen", "O Ferreiro e o Diabo", além de produtos como "Ghoul" (considerada a melhor série de terror da plataforma) e "Paradise PD" que, segundo Mônica, teve a dublagem elogiada pelo Irmãos Piologo, dupla de youtubers que realiza análises sobre filmes e séries no Youtube. Outro serviço de streaming para o qual a Dublagem Curitiba realiza dublagens é a Amazon Prime, mas Mônica alega que, por questões contratuais, não pode divulgar ainda quais são os produtos. "Mas vem coisa boa por aí", garante.

 

Por ser considerada uma das melhores dublagens realizadas no mundo, o campo de trabalho no Brasil está em franco crescimento. Segundo Tomás Barreiros, um dos dubladores que realizam trabalhos para a Netflix através da Dublagem Curitiba, o diferencial é a qualidade disponibilizada: "O Brasil tem um bom mercado de dublagem. O fato dos dubladores possuírem formação no campo da atuação possibilita o uso de vozes e de entonações diferentes, e, no caso da Netflix, que busca dubladores com estilos e características parecidos com o elenco original, isso se torna um diferencial na hora de atingir as expectativas da empresa. Só pra citar um exemplo, na Rússia apenas uma única pessoa faz a dublagem de um programa inteiro, o que torna o trabalho raso. Aqui, por possuirmos um bom número de dubladores em ação, isso facilita a entrega de um trabalho bem desenvolvido, com bastante qualidade."

 

Além disso, todos os trabalhos passam por um controle rigoroso de qualidade da própria Netflix. Depois de feita a dublagem, a distribuidora responsável por selecionar a empresa de dobragem encaminha o trabalho para o serviço de streaming. A partir disso, uma equipe disponibilizada pela plataforma analisa o trabalho dos dubladores, e só aí, o produto é considerado pronto.

 

Ghoul, considerada a melhor série de terror da Netflix, e que foi dublada em Curitiba.
Ghoul, considerada a melhor série de terror da Netflix, e que foi dublada em Curitiba. (Crédito: Divulgação)

 

E, apesar do ramo de dublagem não ser tão grande em Curitiba, o que resulta num ganho financeiro menor, a realização e satisfação são grandes. Mônica credita um fator especial, que é o fato da cidade ainda ser, de certa forma, iniciante no processo: "No Rio e em São Paulo, por exemplo, os profissionais atuam há mais de 30 anos na área, enquanto aqui, a média de atuação gira em torno de dois anos. Não posso afirmar completamente que isso influencia, mas o fato de distribuirmos um produto diferente (vozes não tão conhecidas do público), ajudou na oportunidade que recebemos, além de conseguirmos um ótimo espaço, o que possibilita uma dedicação e crescimento ímpares. Mas vale citar que realizamos trabalhos para diferentes empresas, que contratam nossos serviços, não possuímos um contrato de exclusividade com a Netflix", finaliza.

 

Como citado, por se tratar de um campo vinculado ao da atuação, é necessária a formação em artes cênicas para poder exercer a profissão de dublador. Porém, segundo Mônica, por se tratar de um ramo em franca expansão, quem se identifica com a área, e possui criatividade para trabalhar com diversas características através da voz, a dublagem é o caminho certo. Opinião embasada por Tomás: "A qualidade exigida é grande pelo próprio mercado. Mas o ramo de dublagem no Brasil é compensador, no sentido de fornecer experiências como as da Netflix."

Comentários

© 2018 Barulho Curitiba