Cinco atividades on-line de museus e centros culturais de Curitiba

Por - Barulho Curitiba
(Foto: SEEC)

 As atividades virtuais se consolidaram de vez durante a pandemia, devido a restrições de eventos presenciais. Museus, mostras e institutos culturais com grande acervo se adaptaram ao momento, inaugurando visitas on-line e cursos gratuitos abertos ao público. Mesmo em momentos mais seguros, com redução das bandeiras e a permissão de encontros controlados, o conteúdo voltado para a internet continua ativo e disponível, para que as pessoas aproveitem sem sair de casa.

Na lista abaixo, cinco dicas de conceituados projetos, eventos e museus da capital paranaense com ótimas opções virtuais de atividades culturais:

Bienal On-line – A primeira edição virtual da Bienal Internacional de Arte Contemporânea de Curitiba iniciou sua programação oficial em abril. Até dezembro, muito conteúdo digital será disponibilizado gratuitamente nas redes sociais do evento. Neste mês, o destaque é para videoarte: cinco artistas (duas brasileiras e três estrangeiros) terão seus trabalhos transmitidos no Instagram @bienaldecuritiba. A Bienal On-Line convocou ainda artistas independentes que enviaram suas obras para participar da ação, sendo compartilhadas pelos stories. Mais informações no site: www.bienaldecuritiba.com.br.

Centro Cultural Teatro Guaíra – A partir desta sexta-feira (23), o Centro Cultural Teatro Guaíra inicia uma série de aulas sobre dança, voltada a profissionais e estudantes. Os encontros são semanais, a partir das 13h, sempre pela plataforma Zoom (https://us02web.zoom.us/j/87160315382). Temas como composição, condicionamento físico e improviso fazem parte da grade, elaborada e coordenada pela bailarina Juliana Rodrigues.

Centro Juvenil de Artes Plásticas – As inscrições já estão abertas no Centro Juvenil de Artes Plásticas, para aulas dedicadas ao público infanto-juvenil, pelo formulário digital (https://forms.gle/Zpbe9wBwNjeBs3UZ8). Há turmas dedicadas a crianças de 8 a 12 anos (como a de Artes Visuais) até os adolescentes de 15 (como os cursos de Fotografia e Teatro). Uma demanda dos próprios alunos tem sua primeira classe: Cultura do Skate, que além de falar do esporte, ainda discute artes visuais ligadas ao skate. Todas as oficinas acontecem de forma remota, por plataformas de videoconferência.

Biblioteca Pública do Paraná – Os livros editados pelo selo Biblioteca Paraná podem ser baixados gratuitamente em www.bpp.pr.gov.br/Pagina/Selo-Biblioteca-Parana. São mais de 40 obras, entre antologias, infantis, vencedores do Prêmio Paraná de Literatura e as publicações de depoimentos do evento Um Escritor na Biblioteca, que desde 1984 recebeu nomes como Paulo Leminski, Nélida Piñon e Milton Hatoum. Publicações regulares da Biblioteca (como a revista Helena, o Jornal Cândido e a zine para crianças Era Uma Zine) também podem ser conferidas no site.

Museu Casa Alfredo Andersen – Uma live sobre pintura vai ao ar nesta sexta-feira (23) no canal do Youtube do Museu Casa Alfredo Andersen (www.youtube.com/channel/UCJJUR7WfBdl9fkLcMVi0EcQ). O artista visual, pintor, ilustrador e professor João Paulo de Carvalho faz um encontro virtual a partir das 10h30. Ao estilo bate-papo, o artista mostra seu processo de trabalho, utilizando a pintura como linguagem. Carvalho dará dicas para quem não tem acesso a ateliês durante a pandemia de como continuar a produzir em casa.

Comentários

© 2018 Barulho Curitiba